TEORIA NA PRÁTICA: ALUNOS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO DA ESTÁCIO FAZEM VISITAS TÉCNICAS A ÓRGÃOS PÚB


Alunos do curso de pós-graduação em processo do trabalho e direito previdenciário da Faculdade Estácio São Luís puderam conhecer, na prática, como funciona a estrutura organizacional de uma instituição previdenciária. Por iniciativa do professor Marco Aurélio, coordenador do curso, os alunos fizeram uma visita técnica, na tarde desta terça-feira (14), ao Instituto de Previdência do Estado do Maranhão (IPREV), responsável por cerca de 40 mil aposentados e pensionistas.


Esta foi a primeira de três visitas à instituições de previdência de esferas distintas da administração pública. A ideia de proporcionar uma integração entre a Faculdade Estácio e instituições públicas de previdência veio para consolidar o conhecimento adquirido após duas disciplinas do curso de pós-graduação. Os alunos tiveram aulas teóricas na disciplina de direito previdenciário, posteriormente à disciplina prática previdenciária. O coordenador do curso relatou que a visita vislumbra a possibilidade de ampliar um pouco mais esse conhecimento trazendo os alunos para o campo de trabalho. “No campo, eles podem ter um contato mais direto com a advocacia na área previdenciária e nada melhor do que começar pelo IPREV, onde é gerido toda a previdência dos servidores do Estado do Maranhão. O objetivo principal dessa visita é dar essa dimensão técnica e prática do direito previdenciário”, explicou Marcos.


Edson Calmargo, chefe de gabinete, foi o responsável por receber os alunos, bem como mostrar o funcionamento organizacional da instituição. Os alunos puderam conhecer, na prática, as dificuldades do IPREV, sua história, recursos disponíveis e os responsáveis por ‘gerir’ a instituição; “Para o instituto é uma honra receber os alunos da pós-graduação da Estácio e podermos debater e discutir as preocupações e angústias que afetam hoje toda a sociedade brasileira quando se trata de recursos suficientes para cobrir o eventual rombo da previdência. O Estado do Maranhão tem uma caraterística especialíssima, visto que nós aqui estamos trabalhando no sentido que os recursos sejam suficientes e nossos servidores, hoje cerca de quarenta mil aposentados e pensionistas, não sejam afetados com falta de recursos, disse.


Para o aluno Alexandre Sousa Silva, a visita técnica foi uma oportunidade para adquirir o conhecimento prático do conteúdo apresentando em sala de aula. “É uma soma de conhecimento que se estende desde o campo teórico ao campo prático e, não deixa de ser uma extensão da faculdade, por proporcionar um saber prático e principalmente da realidade da nossa previdência estadual, onde nos foi apresentado a estrutura organizacional do IPREV”.


Giuliane Pereira disse que a visita a possibilitou tirar muitas dúvidas e parabenizou a iniciativa. “Eu acho fantástico essa interação da instituição com seus alunos e principalmente de tornar essas atividades que são mais teóricas em práticas e também conhecer, na prática, como funciona tudo isso que a gente aprende na teoria na Estácio. Nós já somos alunos da graduação, já temos uma base disso. A pós traz o conteúdo para que a gente possa se aprimorar. Fico muito grata pela oportunidade”, complementou. As próximas visitas serão feitas ao Instituto Previdenciário do Município de São Luís e ao INSS – Instituto Nacional de Seguridade Social.

Destaque
Recentes