DPE/MA promove segunda edição da “Quinta de arte e inclusão social” no Centro Histórico


Com o objetivo de proporcionar um espaço de protagonismo artístico-cultural a grupos vulneráveis assistidos pela instituição, a Defensoria Pública estadual realizou mais uma edição do projeto “Quinta de arte e inclusão social”. Em frente à sede da instituição, foram momentos de alegria e muita animação, sob o ritmo do reggae, conduzidos pelo Coral da Uniti “Canto de Luz”, Grupo “As Meninas Show” e o DJ James Brown.


Com atrações como estas, a instituição pretende estimular, valorizar e oportunizar a troca de experiências culturais, promovendo a inclusão de segmentos sociais historicamente invisibilizados, contribuindo para qualidade de vida destes indivíduos, por meio da música e da arte, considerados importantes elementos de aglutinação e de transformação.


Além da comunidade, assistidos, transeuntes e turistas, vários servidores públicos da região prestigiaram o evento. Estiveram presentes, também, o defensor público-geral do Estado, Alberto Pessoa Bastos, e a coordenadora do Centro Integrado de Apoio e Prevenção à Violência contra a Pessoa Idosa (Ciapvi), Isabel Lopizic, organizadora do projeto.


“Foi, novamente, um grande evento. Todos que aqui estiveram se divertiram e tiraram um pouco do cansaço e espantaram o estresse do dia. Estamos mostrando que nossa missão vai além de defender judicialmente pessoas vulneráveis, mas também buscamos fomentar a inclusão social por meio da cultura, do lazer, do bem-estar da comunidade muitas vezes distanciadas desses benefícios constitucionais”, destacou Alberto Bastos.


As edições do projeto da DPE/MA acontecerão na 2ª quinta-feira de cada mês. Além de apresentações de corais, a programação também inclui a realização de vernissage, sarau (música, poesia e teatro), oficina de dança, incursão à sede da DPE, show humorístico, bazar beneficente, rodas de conversa sobre direitos, leilão de quadros feitos por idosos, oficina sobre consumo consciente e exibição de filmes.


“Foi ótimo, muito animado, dançante. Que venham mais eventos como estes que estimulam a cultura no Centro Histórico, tanto para nós da comunidade quanto para os usuários dos serviços da Defensoria. Parabéns!”, destacou Ricardo Muniz, que é cadeirante e participou ativamente do evento, dançando o reconhecido reggae maranhense.

Destaque
Recentes
Siga a gente
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Cinzento Ícone Google+
Contatos

São Luís: Rua Queops /Avenida Vale, n° 05, Edifício Michelangelo, sala 201, Jardim Renascença II, São Luis, Maranhão. CEP 65.075-800

Imperatriz: Rua Pernambuco, Edifício Centro Empresarial, Sala 501, Centro, CEP: 65.903-320

Telefone: (98) 3302-8858
Celular: (98) 98713-6973

 

comunique@comuniqueassessoria.com.br

Clientes

© 2015 - Todos os direitos reservados