Defensoria doa quase 1 tonelada de alimentos a desabrigados no município de Trizidela do Vale



A Defensoria Pública do Estado do Maranhão (DPE/MA) fez a doação de quase 1 tonelada de alimentos não-perecíveis ao município de Trizidela do Vale, onde existem centenas de pessoas desabrigadas em razão das chuvas e cheia do Rio Mearim. Os produtos, como arroz, feijão, açúcar, macarrão, foram disponibilizados pelo Núcleo de Execução Penal da instituição, provenientes das inscrições para processo seletivo de estágio forense no local.


Segundo informações dos órgãos competentes, as cheias já desabrigaram cerca de 150 famílias na região, principalmente em Trizidela e no município de Pedreiras. Por conta do alto nível da água, algumas casas desapareceram e as ruas se tornaram uma extensão do rio. A situação no local é crítica e os desalojados foram abrigados em ginásios e escolas, o que pode potencializar aglomerações, ambiente propício para a proliferação do novo Coronavírus.


“Estamos numa batalha gigantesca contra esta pandemia do novo Coronavírus no Maranhão, mas, infelizmente, não é só este mal que está assolando nosso estado. Temos que unir forças, redobrar ações como estas para contribuir em outras frentes, como por exemplo na doação destes alimentos aos desabrigados pelas chuvas e cheias de rios, principalmente no interior”, destacou do defensor-geral Alberto Bastos.


Bastos lembra que outras atuações em prol da população e dos desabrigados estão sendo feitas pelo Núcleo Regional de Pedreiras. “Nossos defensores públicos na comarca de Pedreiras estão atentos à necessidade do povo e também dos municípios circunvizinhos. Mesmo que a distância, existem diversas articulações que garantam direitos e deveres do poder público em curso”, concluiu.

Destaque
Recentes