CENTRO AMBULATORIAL DIAGNÓSTICO HOLANDESES (CADH) IMPLANTA AÇÕES DE TRIAGEM E TELEMEDICINA

MEDIDAS JÁ FORAM APROVADAS PELOS SERVIDORES ESTADUAIS BENEFICIADOS

E INCLUEM TELE-CONSULTAS E COLETAS DE EXAMES LABORATORIAIS EM DOMICÍLIO


Na luta contra a pandemia do Covid-19 toda ação importa para preservar vidas e barrar a disseminação da doença. Cada iniciativa é uma prova do compromisso de empresas e serviços essenciais, que estão atuando em modelos de contingência, em prol de uma contribuição social necessária.


Um exemplo disso vem do Centro Ambulatorial Diagnóstico Holandeses (CADH), empresa pertencente ao Grupo Mercúrio que presta atendimento médico ambulatorial aos servidores estaduais, e que está operando de forma diferenciada em sua sede na Avenida dos Holandeses, N. 23 no Calhau para evitar aglomerações de pessoas.


Além de todo o agendamento de consultas presencial ter sido substituído pelo agendamento telefônico, outra solução temporária adotada foi implantar um serviço de triagem ambulatorial de pacientes na entrada do ambulatório, para evitar que os serviços de consultas sejam acessados de forma indiscriminada. Assim, todos os pacientes que tiverem com consultas agendadas no CADH, antes de entrar passarão por uma rápida triagem na porta, com avaliação de estado gripal, checagem de temperatura e breves informações gerais. Aqueles que não apresentarem sintomas gripais poderão seguir para a consulta. Caso algum paciente esteja com sintomas gripais ou de Covid-19 serão encaminhados para outra unidade, exclusiva para esse tipo de atendimento e sem contato com demais casos, que funciona na sede do Hospital dos Servidores (HSLZ) na Cidade Operária.


Outra inovação e que visa oferecer mais comodidade aos servidores que não quiserem sair de casa para casos mais simples de consultas ambulatoriais, é a nova modalidade de Tele – Medicina que já funciona mediante marcação prévia. O paciente terá acesso ao médico por tele-consultas feitas pelo telefone. O médico consultará o histórico médico do paciente on line no computador e com conhecimento do caso, telefona para o paciente na hora e dia agendados. Assim, por telefone, vai tirar dúvidas e prestar orientações, para casos que não exijam a consulta presencial. Isso poupa muito tempo e protege pessoas mais idosas por exemplo, que não precisam se expor ao transporte público para realizar uma consulta médica .


“A aceitação dessa prática da Tele – Consulta pelos pacientes nesse início de atendimento por esse modelo já foi o melhor possível. Mas não paramos aí. Também instituímos outro serviço que visa desafogar as unidades ambulatoriais que é a coleta de exames laboratoriais em domicílio, que também começamos a fazer mediante agendamento prévio, feito em parceria com o Laboratório Lacmar. Todas essas ações visam desafogar as filas e manter os servidores estaduais bem atendidos e ao máximo em casa, para sua própria segurança”, resumiu o Diretor do CADH Plínio Tuzzolo.


Ele lembrou ainda que, para evitar filas na hora da triagem na sede do CADH, aqueles servidores que realmente precisarem de atendimento presencial, que não cheguem com muita antecedência, para evitar esperas prolongadas e desnecessárias.



FOTO – DIVULGAÇÃO: Dra. Renata Rodrigues Mouchrek, clinica geral, durante uma tele-consulta com paciente do CADH.

Destaque
Recentes
Siga a gente
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Cinzento Ícone Google+
Contatos

São Luís: Rua Queops /Avenida Vale, n° 05, Edifício Michelangelo, sala 201, Jardim Renascença II, São Luis, Maranhão. CEP 65.075-800

Imperatriz: Rua Pernambuco, Edifício Centro Empresarial, Sala 501, Centro, CEP: 65.903-320

Telefone: (98) 3302-8858
Celular: (98) 98713-6973

 

comunique@comuniqueassessoria.com.br

Clientes

© 2015 - Todos os direitos reservados